Mercado de Pinheiros

“Mercado dos Caipiras” renasce como paraíso gastronômico

Alimentar é um ato generoso

O Mercado Municipal de Pinheiros, com a denominação oficial de ‘Mercado Municipal Engenheiro João Pedro de Carvalho Neto’ é um mercado de varejo localizado no bairro de Pinheiros, São Paulo. Foi inaugurado em 1.910, naquela época era conhecido como “Mercado dos Caipiras”, por agrupar comerciantes e produtores do interior do estado. 

 

Reinaugurado em 1971, na época eram 77 boxes, hoje, são 40.
Reinaugurado em 1971, na época eram 77 boxes, hoje, são 40.

O bairro de Pinheiros, em São Paulo, está localizado na zona oeste. É considerado por muitos, o bairro mais antigo da metrópole porque ele nasceu ao longo do rio Pinheiros. Surgiu em 1.562, quando, após fracassarem no grande ataque a São Paulo, os índios deixaram Piratininga e se estabeleceram onde, hoje, está o Largo da Batata e o Mercado Municipal de Pinheiros. Vale a curiosidade que os índios só desistiram de retomar as terras depois que os portugueses ergueram o forte de Embuaçava, às margens do Rio Tietê, perto da foz do Rio Pinheiros.

O prédio original do Mercado foi derrubado décadas depois de sua inauguração, por conta da construção da Av. Brigadeiro Faria Lima, em outro terreno foi construído um prédio novo. O projeto de 4.000m², de autoria dos arquitetos Eurico Prado Lopes e Luiz Telles, só foi reinaugurado em 1971. Naquela época eram 77 boxes, hoje, são 40 e apenas 2 estão na ativa desde 1971: a Casa de Carnes e a Mercearia Grãos Integrais. 

O Mercado de Pinheiros, na verdade, é bem antigo. Mas, por muitos anos, cumpriu apenas o papel de atender os moradores dos arredores como um entreposto de produtores e compradores dos produtos vindos das cidades vizinhas. 

Seja lá qual for sua preferência gastronômica, inclua na sua lista de passeios imperdíveis pela capital.
Seja lá qual for sua preferência gastronômica, inclua na sua lista de passeios imperdíveis pela capital.

Recentemente, o Mercado passou por uma revitalização e é um ótimo passeio pra quem está na região, com ótimas opções pra almoço e happy hour! Construíram até um deck (piso feito em madeira dispondo de mesas) pra fora do pavilhão, ao ar livre, no segundo andar, perfeito pra curtir um fim de tarde. Com isso, o primeiro box que iniciaria o processo de revitalização do espaço foi a Comedoria Gonzales, que serve ceviches, preparados com os peixes do box ao lado; Peixaria Nossa Senhora de Fátima. Após o pontapé inicial do chef colombiano Checho Gonzales outros chefs paulistanos, em ascensão, aderiram a idéia. Seguiram-se: Alex Atala, com quiosques do seu Instituto Ata para comercializar produtos dos cinco biomas brasileiros: Pampas, Amazônia, Mata Atlântica, Caatinga e Cerrado; o badalado chef Rodrigo Oliveira, instalou uma mini-filial, com cardápio nordestino, no Café Mocotó; um pedacinho da Itália com a pizzaria genuinamente napolitana, Napoli Centrale. Inevitavelmente o local ganhou destaque na imprensa e o público aumentou próximo de 50%. Até os restaurantes existentes se repaginaram para atender a um público cada vez maior e exigente, caso dos famosos PFs (pratos feitos) do Rainha.

 

Ótimas opções pra almoço ou happy hour!
Ótimas opções pra almoço ou happy hour!

Os 40 boxes estão divididos em: empório (venda de cereais, grãos, condimentos e especiarias, enlatados em geral, etc.), mercearia, frios e laticínios, charutaria, quitanda (venda de frutas, verduras e legumes), açougue, pizzaria, hamburgueria, peixaria, avícola, cereais e floricultura. Portanto, seja lá qual for sua preferência gastronômica, inclua na sua lista de passeios imperdíveis pela capital. O Mercado Municipal de Pinheiros fica aberto de segunda à sábado das 8h às 18h.

Postado em Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *